quinta-feira, 28 de setembro de 2006

Sem título e sem conclusão

Relutei o quanto consegui, mas acho que não deveria deixar essas eleições passarem em branco, por isso, estou aqui para escrever não sobre elas, mas sobre o que penso a seu respeito.

Ando pensando e analisando muito alguns candidatos e pude perceber que são todos iguais, todos com as “boas intenções” e todos parecem tão honestos e tão bons. Sendo assim, como as coisas chegaram onde estão?

Apesar de que, sabemos onde as coisas chegaram?
Sabemos quem nos roubou?
Sabemos os culpados pelo descaso com as escolas públicas ou com a saúde do país?
Sabemos para onde foi todo o dinheiro que pagamos com os altos impostos?

É, porque é bem visível que o dinheiro dos impostos não foi para seus devidos fins, se não, os leitos dos hospitais talvez estivessem em melhores condições.

Talvez os alunos estivessem assistindo aula em uma boa cadeira com um bom livro em uma escola pública.

Tenho treze anos de escola. Tive inúmeros professores. E se bem me lembro, a maioria deles viviam dizendo que foram alunos de escolas públicas, que tiveram um ótimo ensino e que por isso tinham se tornado profissionais tão bons. Aí eu te pergunto, o que está acontecendo com os nossos dias?

Correndo o risco de parecer ridícula, e roubando algumas palavras do grande revolucionário Che Guevara, o que falta é o amor, pois é ele que move um verdadeiro revolucionário.

Penso que os políticos deveriam todos ser revolucionários, a fim de revolucionar o congresso para melhorar a vida dos cidadãos brasileiros.

Não consigo entender quanta ganância existe em um ser, para preferir viver no luxo vendo seu povo na miséria, a preferir que todos vivessem na maior igualdade possível (leia bem, eu disse possível, e não igualdade total entre todos, pois sei que é algo totalmente utópico, mas isso é um outro assunto...).

Falei, falei e ainda não disse nada sobre eleições. Mas vamos lá...

É chegado o ano das eleições, ou melhor, é chegada a eleição e estamos todos sem saber de nada. Nenhuma das CPIs chegaram a alguma conclusão, algumas chegaram a indiciar alguns políticos, mas não foi possível prende-los devido a proximidade das eleições.

Aí eu te pergunto, como vamos votar se nem ao menos sabemos quem são os culpados? Sim, volto a fazer a mesma pergunta que já fiz, porque ainda não consegui obter nenhuma resposta.

Talvez o problema seja exclusivamente meu, talvez eu seja imatura demais, mas não voto nessas eleições, não só pelo fato de não ter tirado o meu título (motivo esse opcional), mas pelo fato de não ter nenhum candidato pra votar.

Em cada governo temos inúmeros problemas, em um as CPIs são escondidas e todos reclamam, no outro, as CPIs são expostas e todos se chocam, afinal, em quem devo acreditar?

Todos são desonestos, todos não corruptos, todos nos roubam e nos deixam na miséria cada vez maior.

Cansei de pensar que fulano “rouba mais faz”. E daí se ele faz? Ele me rouba e é isso que eu não vou mais suportar calada.

Cansei de ser feita de besta de dois em dois anos. Tudo se repete. Todos prometem as mesmas coisas e no fim, todos terminam fazendo o mesmo e esquecendo de todo o prometido.

Agora, se pararmos para analisar, são todos burros, pois se algum dos políticos que promete ajeitar a educação e a saúde do país cumprisse a sua promessa, tenho certeza que este, teria para o resto da vida o voto da maioria.

Mas parece que, como já dito, falta o amor em todos eles.

Termino por aqui, sem nenhuma conclusão. Afinal, não consigo concluir algo que nunca foi concluído.

Karina Mendonça

3 comentários:

Candy disse...

Você fala bem demais. Não é a toa que é a minha jornalista favorita.. ^^

Concordo em gênero, número e grau com suas palavras, kari. É realmente triste ver que falta amor entre nossos líderes; ver que em muitos casos, falta dignidade..

Se você não deixou nenhum título e nenhuma conclusão, eu só tenho a deixar mais uma interrogação. Eu vou votar, sim, mas sem ter certeza do meu voto, sem ter certeza da minha escolha.. Dando tiros no escuro. Vamo ver no que dá. ;]

Te amo, Kari. Beijo.

Milinha disse...

ooiii
eu estou sem tempo de entra na net...
estudando muito...
mas de qlqr forma naum vou desaparecer.
bjuxxx
ah, obrigada por me add!!1

Luana Cruz disse...

Olá,td bem?
Que bom que você gostou do meu blog, pode visitá-lo quantas vezes quiser... Será sempre muito bem vindos os seus comentários e suas visitas, OK!!
Bjinhos carinhosos e até breve.