quinta-feira, 26 de julho de 2007

Egoísmo, comunismo...

Acabei de chegar da reunião do condomínio. Ainda estou com dor de cabeça de tanta confusão.

Na reunião puder perceber (mais uma vez) o quanto o ser humano é egoísta.

Cada morador só pensava em si, no melhor para si e no seu próprio conforto.

Que se dane os outros, desde que você saia lucrando.

Lembrei-me de alguns políticos, e percebi que além de ladrões, são egoístas.

Afinal, ao roubar dinheiro de um hospital, por exemplo, eles não pensam em quantas pessoas poderão morrer devido à falta daquela verba.

Se pensassem em quantos jovens acabam por se tornar marginais, devido a falta de ensino em suas escolas públicas, talvez a verba tomasse o seu verdadeiro rumo.

Mas não, o ser humano só consegue olhar o seu próprio umbigo.

É muito melhor possuir uma casa na Europa, filhos estudando na América do Norte, contas com inúmeros dígitos, do se preocupar com a população, aqueles que os colocaram no poder.

E sabe porque nada muda?

Porque nós, continuamos em casa, assistindo tv, nos revoltando, escrevendo em blogs e não fazendo mais nada.

Falo por mim, não faço nada pelos meus direitos, talvez porque a minha primeira vez na urna ainda não chegou.

Talvez, depois de escolher os meus próprios candidatos, depois de passar pela experiência de votar, eu me torne mais crítica.

Talvez eu ache que ainda não tenho o direito de reclamar.

Talvez também, eu esteja errada. Eu deveria me juntar aos jovens comunistas e lutar por uma igualdade para todos.

Já falei várias vezes sobre a minha admiração por Che Guevara, mas não concordo com muito do comunismo ou socialismo.

Mas também não acho nada democrática essa democracia em que vivemos, afinal, não temos nem o direito nem de escolher se votaremos ou não.

Acho que a desgraça da humanidade foi o capitalismo, que só aumentou o individualismo e o egoísmo.

Todos querem ser o melhor. Se ela tem um tênis PUMA e uma camisa Richards, ela se acha melhor do que eu.
E acha que tem o direito de passar por cima de mim, como se eu nem estivesse ali.

O que leva um jovem, educado(acredito), estudado e inteligente a espancar uma empregada doméstica?

O simples fato, de ele se achar melhor que ela. Pois o seu poder aquisitivo é maior.

Pois ele estava no carro, enquanto ela espera um ônibus.

Isso é ridículo.

Não me importa o seu salário, o tamanho da sua casa, o seu transporte, a sua opção sexual ou a sua profissão.

Você é um ser humano tanto quanto eu e por isso, temos os mesmos direitos.

Mas por que parece que é tão difícil viver dessa maneira?

Qual a dificuldade de respeitar alguém?

De lutar por algo, mesmo que não lucres com isso, mas ajudes milhares de pessoas?

Eu realmente cansei de entender o ser humano.

Como sempre, não falei de nada específico demais, me prolonguei por vários campos.

Também não sei se conclui alguma coisa, mas como sempre, eu precisava “botar pra fora”.

-Abraços
Kari Mendonça

9 comentários:

Simone Campos Ormelezzi disse...

Olá Kari...
Em alguns dias da minha vida eu lia, sentava, escrevia, protestava e dormia sobre as escritas e fotografias de Che, Zapata e Marx... Foi quando um sopro de realidade me fez ser mais uma...mais um simples mortal. Não acredito que seja exatamente o sistema econômico (apitalismo, socialismo...) que demostrem o nosso verdadeiro caos...
Mas, existe algo que está se perdendo nos seres humanos (nós primatas...hahah) algo qua vai além da racionalidade, estamos perdendo a essencia de toda e qualquer forma de amor e respeito...
Bjs gostei do blog
Simone

Palavras de um mundo incerto disse...

Oi,guria!

Mas bah,eu tava com um moleton e uma jaqueta imensa,sentindo baita de um frio,e aí um calor e todos de camisetas. Que diferença Hein?

Queria que um pouco do calor daí viesse pra cá.

Voltarei e lerei o post.

Com carinho

Marcos Ster

Antônio disse...

Creio que todo o desabafo é válido, por mais que tu aches que nada muda enquanto ficarmos escrevendo em blogs.
Não sei, não faz o meu gênero sair às ruas em protesto, e não sei se essa é a real forma de mudança.
A população está acordando, o cerco está se fechando contra os poderosos, ninguém mais dorme de touca.
Penso que, quando esse egoísmo do qual tu falas der lugar ao corporativismo, poderemos fazer algo para mudar efetivamente. Pq todo mundo critica os políticos, mas daí na reunião de condomínio fazem igualzinho.
Conclusão: a solução não é mudá-los, e sim nós mudarmos, para que consigamos, juntos, varrê-los do poder.
Só que aí eu te pergunto: botar quem lá depois?

Beijos, cuide-se!

Marcus Vinícius disse...

Eu não posso comentar nada por a) eu não moro em condominio, b) eu não voto e c) e não faço nada pra mudar.

"O Brasil é o país do conformismo" já disse o comentarista do JA (esqueci op nome dele).

Abraço!

Thayana Melo disse...

Oiii...
Antes de mais nada obrigada por n ter me achado uma intrometida...
� quem em certas horas sou uma pessoa meio reservada, tenho vergonha, timida,n�o com as pessoas que conhe�o, mais com todos aqueles que tenho vontade de conhecer,!!!
Se vc olhou direitinho no meu blog mesmo so tem uma pessoa a qual tenho "adicionada nos links"!!!
Agora v�o ter duas, ne?!
Mais vamos ao que interessa: Mais uma vez, vc escreveu algo bem interesante, algo para se pensar bastante!!!
Eu, pra falar a verdade, ja cansei de tentar entender o ser humano...
N�o entendo nem os que me rodeam, quanto mais aqueles ao qual nem conhe�o ou so vejo e escuto falar porque fizeram algo de "errado" para o mundo!!!
Somos, claro q n�o s�o todos, mais somos pessoas egoistas sim, pessoas as qual so pensam em seu proprio bem estar, fisico mais precisamente, porque eles n�o t�o nem ai para o que as pessoas estao ou vao pensar deles, na maioria das vezes eles so querem � ter muito dinheiro, jurando que dinheiro � tudo!!!
Aiii, ta bom...
Isso � algo que me deixa revoltada!!!
Nem gosto de comentar desta historia desses meninos, ou melhor desses animais, que se acham melhores do que uma mulher de familia simplesmente pelo fato de terem dinheiro!!!
E ainda d�o como desculpa, que pensaram que ela era uma prostituta, e nem se fosse, ninguem tem esse direito de julga-las, afinal ninguem sabe porque elas realmente estao nessa vida!!!
Acho que quem se prolongou fui eu desta vez, n�o foi?!
Vou l�...
Tambem voltarei ta?!
Bjinhus, xau!!!

Thayana Melo disse...

Obrigada mais uma vez!!!
Tambem ja te coloquei na minha lista de links!!!
bju, xau!!!

Thayana Melo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Palavras de um mundo incerto disse...

Kari,

Eu ando com meu tênis ALL STAR,É velho e eu adoro.

Não uso nem um tênis da moda.

Sou bem na minha,com meu estilo.

Participei de duas eleições,e posso dizer agora,que eu vejo com outros olhos essa democracia inexistente.

Bjos e abraços!

Marcos Ster

Anônimo disse...

Eu defendo o Capitalismo!!

Muitas pessoas Se matam em Trabalhar para ganha seu Dinhero, em quanto o outra ta lá deitado no sofá e ganha o Mesmo salário q eu!!! isso é ridiculo!! Aliás Paises Comunistas não vão para frente! Pessoas q Moram em paises Comunistas fogem de lá (exemplo: Cuba, os jogadores de cuba fugiram por causa do comunismo) A unica ecesão é a China q agr esta Crescendo... Mas Vai anda pelas ruas da china para ver.. tudo caindo aos Pedaços... Nosso Pais é capitalista o Unico problema é o Presidente... Comunista q Com os Nossos Impostos da Dinheiro para os Nordestinos... Alguns Deputados já penssaram em Separar o SUl do brasil e formar 1 Pais.. Se isso acontecesse Nosso Pais Sera um Pais desenvolvido ( ao Contrario do q é agr) Mas Teria q seer feito uma Votação entre Governadores e o Norte Brasileiro tem Mais Estados do q o Sul... Bom é isso q eu acho Defendo o Capitalismo com Orgulho!!!!