quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Só de sacanagem

"Meu coração está aos pulos!

Quantas vezes minha esperança será posta à prova?
Tudo isso que está aí no ar: malas, cuecas que voam entupidas de
dinheiro.
Do meu dinheiro, do nosso dinheiro, que reservamos duramente para educar os
meninos mais pobres que nós.
Para cuidar gratuitamente da saúde deles e dos seus pais.
Esse dinheiro viaja na bagagem da impunidade e eu não posso mais.
Quantas vezes minha esperança vai esperar no cais?
É certo que tempos difíceis existem para aperfeiçoar o aprendiz.
Mas não é certo que a mentira dos maus brasileiros venha quebrar no nosso
nariz.

Meu coração tá no escuro.

A luz é simples, regada ao conselho simples de meu pai, minha mãe, minha
avó e dos justos que os precederam: “Não roubarás”.
“Devolva o lápis do coleguinha”.
“Esse apontador não é seu, minha filha”.
Pois bem, se mexeram comigo, com a velha e fiel fé do meu povo sofrido,
então agora eu vou sacanear: Mais honesta ainda vou ficar!

Só de sacanagem!

Dirão: “Deixa de ser boba, desde Cabral que aqui todo o mundo rouba”
E eu vou dizer: “Não importa, será esse o meu carnaval, vou confiar mais e
outra vez”
.
Eu, meu irmão, meu filho e meus amigos.
Vamos pagar limpo a quem a gente deve e receber limpo do nosso
freguês.
Com o tempo a gente consegue ser livre, ético e o escambau.
Dirão: “É inútil, todo o mundo aqui é corrupto, desde o primeiro homem que
veio de Portugal”
.
E eu direi: “Não admito, minha esperança é imortal”.

E eu repito: “Ouviram? IMORTAL!”

Sei que não para mudar o começo Mas, se a gente quiser, Vai dar para
mudar o final!
"

Elisa Lucinda

4 comentários:

Palavras de um mundo incerto disse...

Kari,

Lindo!


A alma é imortal. A Sofia conseguiu provar que realmente é, no teste que Platão lhe deu.

Bjo!

Marcos Ster

Antônio disse...

Existe alguma palavra além de VERGONHA que possa descrever essa corja?

Eu me recuso a escrever sobre esses sacripantas. Pelo menos decidi que político eu NUNCA serei na vida.

Beijos!

Priscilla Pontes disse...

ah eu li essa letra no blog de thay..mto boa!

qnto à terça, por mim tdo bem, caso eu tenha ensaio nesse dia eu saio da faculdade d 12:00 e almoço com vcs e fico até as 14:00.
caso n tenha eu passo a tarde c vcs ^^

Bjos.

há acbei de postar lá no blog amador e no rotineiro, depois comemnta?

:D

Alexandre Hallais disse...

Kari,

passei aqui para te dar um abraço e encontro um texto de Elisa Lucinda, que muitos acham ser de Ana Carolina... problemas de cultura, mas deixe para lá.
Adorei este seu post.
Maravilhoso.

Estou bem nervoso pelo lançamento na Bienal. Eu devo ter problemas.

Quis te dar um abraço.

Somente um, apenas para aliviar meu nervosismo. Estou me sentindo só. Incrível!

Beijos querida e depois te conto como foi. Ontem eu recebi uma homenagem da Embratel... muito maneiro. Chorei pra cacete...

Alexandre Hallais - Borboletas que nunca foram casulos