segunda-feira, 7 de julho de 2008

Sem título e sem autor...

Você está sozinho. Em frente à TV, devora duas barras de chocolate, enquanto espera o telefone tocar. Bem que podia ser hoje, bem que podia ser agora, um amor novinho em folha.
Trimmm!
É sua mãe, quem mais poderia ser? Amor nenhum faz chamadas por telepatia. Amor não atende com hora marcada. Ele pode chegar antes do esperado e encontrar você numa fase galinha, sem disposição para relacionamentos sérios. Ele passa batido e você nem aí. Ou pode chegar tarde demais e encontrar você desiludido da vida, desconfiado, cheio de olheiras.
.
O amor dá meia volta. Por que o amor nunca chega na hora certa? O amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina. Você passa uma festa inteira hipnotizado por alguém que nem lhe enxerga, e mal repara em outro alguém que só tem olhos para você.
.
O amor é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa. O amor está em todos os lugares, você que não procura direito. Aprenda uma coisa "o amor é imprevisível". Jamais espere ouvir "eu te amo" num jantar à luz de velas, no dia dos namorados. Ou receber flores logo após a primeira transa. O amor odeia clichês. Você vai ouvir "eu te amo" numa terça- feira, às quatro da tarde, depois de uma discussão.
.
Idealizar é sofrer, amar é surpreender. Talvez tenhamos que conhecer algumas pessoas erradas antes de encontrar a pessoa certa. Talvez a pessoa certa, você considera a mais errada, que só quer curtir, mas que um dia te fará feliz, e para que isso aconteça, só depende de você, pois ao encontrá-la, agradeceró por esta bênção. Porém, estamos tão presos àquela porta fechada que não somos capazes de ver o novo caminho que se abriu, podendo estar do seu lado. Não busque boas aparências, elas podem mudar.
.
Encontre aquela pessoa que te faça dar garagalhadas ao falar uma piadinha... que faça seu coração sorrir. Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar esta pessoa de nossos sonhos e abraça-la. Sonhe com aquilo que você quiser, faça aquilo que voce quiser, principalmente se estiver bebado, vá para onde você queira ir, seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só temos uma chance de fazer aquilo que queremos.
.
__________________________________________________
A autoria do texto acima é desconhecida. Foi algo que encontrei pela internet a alguns anos e copiei num caderninho. Se copiei, é porque gostei. E, na falta de tempo para sentar e escrever, resolvei beneficiá-los com algo que acho tão belo.
.
Kari Mendonça

10 comentários:

instantes e momentos disse...

a gente as vezes nem precisa escrever, para saber o que é bom. Gostei de seu blog, gostei desse post. Gostei de tudo aqui.
Parabens
Maurizio

Auíri Au disse...

Oh Kari, estou meio perdido aqui no meu mundinho, por isso essas sumidas repentinas...
Mais suas palavras sempre estão no meu jornal matinal, sempre....

Beijos

Érica disse...

Lindo mesmo Kari. Lindo e verdadeiro. Eu até tenho um caderninho com antigas anotações, vou olhar lá. Nem lembro o que tem escrito, de repente tem algo legal assim também.

Beijos.

Antônio disse...

"O amor é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa."

Muito bom, Kari! Adorei o texto, há muitas verdades nele.

Beijão!

Auíri Au disse...

Está tudo ótimo!!
Muitooooooo mesmo!!
Encontrei uma pessoa que me faz feliz, a dona dos meus pensamentos esses dias, espero eterniza lós!!!
E com você como anda a sua vida?
Seu par?
Beijos

® disse...

É bom encontrar certos textos para confirmar o que já sabíamos, e esse é um deles.

No meu mundo. disse...

Aprenda uma coisa "o amor é imprevisível". Jamais espere ouvir "eu te amo" num jantar à luz de velas, no dia dos namorados. Ou receber flores logo após a primeira transa. O amor odeia clichês. Você vai ouvir "eu te amo" numa terça- feira, às quatro da tarde, depois de uma discussão.

Essa é a mais pura verdade, amiga, como sempre seus textos estão em perfeita sintonia.

Bjos e tô com mtaaa saudade de tu e do povo da sala.

Aneyze Santos disse...

Sabe aqueles textos que você começa a ler e a cada palavra lida, você se reconhece de maneira mais óbvia possível?
Pois é, esse texto me relembou alguns sentimentos que eu já experimentei e que experimentaria mais umas mil vezes.
Esse êxtase de conhecer o desconhecido é uma das coisas que deveriam perdurar toda vida humana.

Belíssimo texto, e de certa forma, esse tal desconhecido acabou por fim fazendo uma desconhecida perceber por um instante as maravilhosas coisas que esse sentimento é capaz de fazer.

Beijos Kari!

amália :) disse...

que texto lindo, pensei que fosse de sua autoria, vc escreve tão bem. ai ai o meu amor, um dia há de chegar :)

ALF disse...

Eu acho que já li trechos desse texto. Incrivelmente lindo, de uma sensibilidade sem tamanho.

ah o amor...

quero tanto que chegue.

Lindo o texto

Beijos