quarta-feira, 25 de março de 2009

Andamento das coisas (???)

Meus amigos, leitores, ou até curiosos, desculpem a minha ausência. A reforma (vide post abaixo) continua. Não mais dentro de casa, mas ainda ocupando todo o meu espaço (físico ou psíquico). Quer dizer... É verdade que o pedreiro não dá as caras desde segunda, mas, passar o dia na espectativa se ele vai ou não aparecer ainda consome toda a minha paciência. Ou seja, imagina meu nível de estresse. Ah! E por falar em estresse, deixa só eu comentar umas coisas...
.
No sábado acabaram de colocar o gesso nos quartos. Era quatro horas da tarde, quando começamos, eu e meus pais, a limpar tudo. Bom final de tarde em... Mas, o rapaz (aquele muito inteligente que guardou as minhas coisas - vide post abaixo) quebrou uma pequena peça do gesso, ou seja, ele aparecia outro dia. Imagina o estresse em pensar que, quando tudo estivesse finalmente limpo, ele sujaria novamente... Aí aí...
.
Pois bem, ontem a tarde ele apareceu, colocou a pedrinha e, minutos depois foi embora. O quatro não ficou tão sujo (mas sujou, claro), entretanto pensei que estava tudo acabado. Hoje pela manhã, porém, ao acordar, corri para o banheiro dos meus pais e, ao abrir a privada, me deparo com o quê? Com o gesso! Acredite! O rapaz (sempre tão inteligente), jogou o resto do gesso dentro do vaso sanitário e lá está a camada branca coloca e entupindo.
.
Fui contar a minha mãe e percebi que ela já sabia, como também sabia que o pedreiro não apareceu e ainda mentiu sobre ir para o médico (sei que mentiu, pois ligaram dizendo que ele não apareceu por lá). Enfim, devido ao recesso, eu não sei se posso ou não continuar dizendo que minha casa está em reforma, mesmo que a frente dela esteja cheia de areia (de vários tipos), pedras, pedrinhas (sim, são diferentes), cimento, madeira, telha, cerâmica....
.
Enfim, era só um pedido de desculpas, mas achei que vocês precisavam saber o andamento das coisas. Espero que tenham pena de mim, porque até eu estou, já que, quando ninguém aparece eu fico irritada em ver a minha mãe irritadíssima. Era isso! Volto com mais novidades (se as obras retornarem, claro), em breve.
.
Beijos!
Kari

8 comentários:

Dona Poesia disse...

Kari, isso é APENAS o tempo ...já reformei a minha casa umas dez vezes..haja vista que, desde que me casei, aos 20 anos de idade, até hoje, a casa é a mesma. Apenas a gente foi mudando as coisas, com o tempo.
Eu costumo dizer que não se passa simplesmente por uma reforma, na casa; a gente SOBREVIVE a uma reforma...

Lendo o que vc escreveu aqui eu me recordo do que já passei, com reformas, e confesso: não sei se rio ou choro.
Tive um pedreiro, (um, dos muitos), que, mesmo o serviço sendo na área interna, bastava cair uma gota de chuva e o homem nao aparecia...
Ai, nem quero lembrar!
Boa sorte, boa sorte, boa sorte e força na peruca!

C. disse...

Relendo seu post aqui embaixo, lembrei de quando uma irma dizia a mesma coisa, quando reformou a dela: que os pedreiros já tinham se tornado como ´membros` da família!

Lidar com essa mao-de-obra tem que ser especializadíssima em recursos humanos, pq exige muita paciência, psicologia.

Aquele cafofo esta fechado, forget him, uma espécie de reforma tb, só que já estou de casa nova hoho

Bjao, muita e muita calma, logo logo a casa estará linda!

Katarine disse...

Ai, ai. Reformas.
Nem me fale.
Não tenho mais saco!
Não se preocupe. Jájá acaba.
Bjos e fica com Deus!!!

Hariane disse...

Nem tenho paciência muito menos ânimo para reformas. Que termine logo a sua!


Bj

Gabriela Coutinho disse...

Poxa cara, melhoras, que esta reforma termine logo, você vai ver, vai ficar linda!!!
E esse pedreiro é filho da puta hein!!!

Jaya disse...

Ô, Kari!

Claro que vai terminar, gente. Impossível ficar como está. Tu vai ver: daqui uns dias as coisas estarão em seus lugares e os tumultos serão passado.

Sorteeee! Rs.

Beijo, frô.

Simples Assim... disse...

Isso está virando um diário de bordo. Até porque obra é mesmo uma viagem (que às vezes parece sem fim)... rs. Sei que é meio sádico, mas estou me divertindo com suas aventuras. Bjs !!!

Camila disse...

Kari, minha amiga... Há profissionais enrolados em todas as áreas não é mesmo?!
Espero que as obras continuem logo, e que terminem o mais rápido possivel.
Boa sorte, viu?!

BeijOs querida